Notícias

Zema apresenta LDO e prevê arrecadação menor e déficit de mais de R$ 11 bilhões

Por Redação , 17/05/2019 às 15:15
atualizado em: 17/05/2019 às 22:18

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00
Foto: Fernando Chaves
Fernando Chaves

O governador Romeu Zema enviou à Assembleia Legislativa de Minas Gerais nesta quinta-feira o projeto de Lei com as Diretrizes Orçamentárias 2020 (LDO) e correções das previsões de 2019. 

De acordo com o secretário de Fazenda, Otto Levy, a arrecadação prevista pelo governo da gestão anterior de R$ 100 bilhões foi recalculada para R$ 97 bilhões. Já o déficit previsto de R$ 11 bilhões foi aumentado para R$ 15 bilhões ao fim de 2019.

Para 2020, Romeu Zema estima começar o ano com um déficit de R$ 49,677 bilhões. Segundo nota do governo, foi encontrado um rombo de R$ 34,5 bilhões no caixa estadual, referentes a passivos de exercícios anteriores, principalmente restos a pagar – compromissos assumidos e que não foram pagos até o final do mandato de Fernando Pimentel (PT). Esse rombo será somado ao déficit de R$ 15,177 bilhões, as obrigações devidas no início de 2020.

A estimativa de 2020 é de déficit de R$ 11,2 bilhões e arrecadação próxima a R$ 102 bilhões.

Segundo o secretário não há previsão de reajuste para os servidores e o projeto orçamentário não prevê o pagamento em dia do salário dos servidores.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Bolsonaro provoca presidente da OAB: 'Posso contar como o pai dele desapareceu' https://t.co/VL1QAuI1sI https://t.co/uO2itrIBJh

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link