Notícias

Presidente Donald Trump critica protestos da jogadora Megan Rapinoe na Copa da França

Por ANSA, 26/06/2019 às 13:47
atualizado em: 26/06/2019 às 13:55

Texto:


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, criticou nesta quarta-feira os protestos da jogadora e capitã da seleção norte-americana feminina, Megan Rapinoe, durante a Copa do Mundo na França. A atleta de 33 anos, que é uma das estrelas da equipe norte-americana, é contrária ao atual governo do país e em protesto ela não canta o hino nacional dos Estados Unidos quando ele é executado nas partidas do Mundial.

Além disso, Rapinoe declarou que se os Estados Unidos vencerem a Copa, ela não irá para a Casa Branca. A atleta ainda duvidou que a equipe será convidada para visitar a residência oficial do presidente.

Trump, por sua vez, não está gostando dos protestos de Rapinoe e criticou a jogadora no Twitter. "Eu sou um grande fã do futebol feminino, mas Megan [Rapinoe] deve ganhar primeiro para falar depois. Termine o seu trabalho! Ainda não convidamos Megan ou a equipe, mas agora estamos convidando o time, ganhando ou perdendo. Megan nunca deve desrespeitar nosso país, a Casa Branca ou nossa bandeira, especialmente porque muito tem sido feito por ela e pela equipe. Tenha orgulho da bandeira que você veste", escreveu o republicano.

Rapinoe, que defende atualmente o Seattle Reign, foi para a Casa Branca quando os Estados Unidos venceram a Copa do Mundo de 2015. Na época, o presidente do país era Barack Obama.

Além disso, a camisa 15 e outras 27 jogadoras entraram com uma ação em março deste ano acusando a Federação de Futebol dos Estados Unidos de discriminação de gênero. Rapinoe revelou que era lésbica em 2012 e atualmente possui um relacionamento com a jogadora de basquete Sue Bird.

Após vencer a Espanha por 2 a 1 nas oitavas de final, a favorita seleção norte-americana irá encarar a França na próxima fase. O jogo será nesta sexta-feira (28), no Parc des Princes, em Paris
 

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Bolsonaro provoca presidente da OAB: 'Posso contar como o pai dele desapareceu' https://t.co/VL1QAuI1sI https://t.co/uO2itrIBJh

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link