Notícias

Passageiros relatam medo de quedas por portas abertas em ônibus; lotação é agravante

Por Redação , 24/07/2019 às 08:45
atualizado em: 24/07/2019 às 09:00

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00
Foto: José Cruz/ Agência Brasil
José Cruz/ Agência Brasil

Circular com as portas abertas entre ônibus metropolitanos é uma prática mais comum do que se imagina, segundo relatos de passageiros à Itatiaia. O caso de Danielle Lorraine, de 20 anos, que morreu após cair de um ônibus em movimento na última sexta-feira (19), em Vespasiano, na Grande BH, amedrontou usuários, principalmente os que embarcam em coletivos lotados e são obrigados a ficar perto da porta, por falta de espaço. 

Ouça a matéria com a repórter Edilene Lopes

“Para ser sincera, eu tenho até mania de sentar, porque os ônibus vão tão cheios. Mas com esse problema que aconteceu (com a Danielle) a gente fica até com receio de ficar perto da porta”, diz a passageira Célia Rodrigues. 

Nessa terça-feira (23), a reportagem da Itatiaia obteve informação que o ônibus de onde Danielle Lorraine caiu não tinha freio de portas, que poderia ter evitado o acidente. Com o dispositivo, as portas só abrem se o ônibus estiver parado. 

Muitos passageiros, no entanto, relatam dúvidas sobre o funcionamento do item que é obrigatório. “Eu não sei se algum ônibus tem esse freio de portas. Eu já presenciei várias vezes o motorista trafegar com a porta aberta. Ou ele arranca e depois que a porta fecha. Isso acontece direto”, diz uma usuária. 

Marta Gomes de Faria também expõe o mesmo problema e é categórica ao dizer: “Acontece várias vezes. Eu não fico perto da porta, porque a gente não sabe, né?”.

De acordo com o Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DEER-MG), a ABNT define que todos os ônibus coletivos devem ter freio de portas. Segundo o órgão, na vistoria, todos os ônibus devem seguir as recomendações. Se forem constatados veículos fora dessas condições, as empresas e consórcios responsáveis serão notificados e deverão restabelecer o sistema de segurança.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Bolsonaro provoca presidente da OAB: 'Posso contar como o pai dele desapareceu' https://t.co/VL1QAuI1sI https://t.co/uO2itrIBJh

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link