Auto Truck CPM Interno

Notícias

Avaí fica no 0 a 0 com o Goiás em Florianópolis e segue sem vencer no Brasileirão

Por Agência Estado, 21/07/2019 às 21:51
atualizado em: 21/07/2019 às 21:52

Texto:

Ainda não foi dessa vez que o Avaí conquistou a primeira vitória no seu retorno à elite do Campeonato Brasileiro. Na noite deste domingo, o time catarinense decepcionou os mais de cinco mil torcedores que foram até a Ressacada ao empatar sem gols com o Goiás, pela 11ª rodada.

Com apenas cinco pontos, o Avaí amarga a lanterna e tem cinco a menos que o Cruzeiro, primeiro fora da zona de rebaixamento. Já o Goiás chegou aos 16 e é o oitavo colocado, mas tem dez jogos disputados e ainda tem uma partida adiada contra o Corinthians a realizar.

Mesmo jogando fora de casa, o Goiás iniciou a partida em cima do Avaí e criou a primeira oportunidade aos oito minutos. Michael recebeu dentro da área e, quase sem ângulo, soltou a bomba assustando Vladimir. A bola passou próxima ao travessão.

O jogo era concentrado no meio-campo e com os dois times encontrando dificuldades para criar por conta do último passe. Quando conseguiu, o Goiás assustou. Daniel Guedes tabelou com Giovanni Augusto, invadiu a área e cruzou em cima da marcação.

A resposta do Avaí veio em chute de Gustavo Ferrareis, espalmado por Tadeu. Aos 41 minutos, Michael aproveitou sobra e bateu de primeira para defesa segura de Vladimir. A partida ficou aberta nos minutos finais e os donos da casa tiveram uma boa oportunidade.

Lourenço bateu cruzado e Tadeu espalmou. A bola ficou com Gustavo Ferrareis, que finalizou em cima da marcação. Quase o primeiro gol. Na sequência, os jogadores do Avaí reclamaram de um pênalti não marcado. O VAR, porém, ao ser consultado, não considerou este lance uma penalidade.

Não satisfeito com a atuação do Goiás, o técnico Claudinei Oliveira realizou duas alterações antes dos 15 minutos do segundo tempo: Marlone e Léo Sena entraram nos lugares de Giovanni Augusto e Yago Felipe, respectivamente. 

Aos 18 minutos, Pedro Castro recebeu cruzamento rasteiro na marca do pênalti, mas pegou muito mal e desperdiçou uma boa oportunidade. Na sequência, Brenner recebeu de Gustavo Ferrareis e finalizou de primeira. Tadeu estava bem posicionado e segurou firme. 

As alterações de Claudinei Oliveira não surtiram efeito e o Avaí era superior ao Goiás. Aos 41 minutos, Lourenço soltou a bomba em cobrança de falta e Tadeu mandou para escanteio. No último lance do jogo, o time catarinense teve uma falta quase dentro da área, mas Lourenço acertou a barreira.

Os dois times voltam a campo no próximo domingo, pela 12.ª rodada. O Avaí enfrenta o Santos, às 16 horas, na Vila Belmiro, enquanto o Goiás recebe o Atlético-MG, às 19 horas, no Serra Dourada, em Goiânia.

FICHA TÉCNICA

AVAÍ 0 X 0 GOIÁS 

AVAÍ - Vladimir; Léo (Daniel Amorim), Betão, Ricardo e Igor Fernandes; Pedro Castro, Julinho (Richard Franco) e Douglas (Luan Pereira); Gustavo Ferrareis, Lourenço e Brenner. Técnico: Alberto Valentim.

GOIÁS - Tadeu; Daniel Guedes, Yago, Vaz e Jefferson; Geovane, Yago Felipe (Léo Sena) e Giovanni Augusto (Marlone); Michael, Kayke (Júnior Brandão) e Renatinho. Técnico: Claudinei Oliveira

ÁRBITRO - Rodolpho Toski Marques (PR).

CARTÕES AMARELOS - Vladimir, Brenner e Luan Pereira (Avaí); Giovanni Augusto e Jefferson (Goiás).

RENDA - R$ 93.936,00.

PÚBLICO - 5.497 torcedores.

LOCAL - Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC).

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link