PMC - Maxi 970 x 150

Notícias

Atlético inicia na Argentina duelo por vaga em final inédita da Sul-Americana

Por Agência Estado/ Redação, 19/09/2019 às 10:11
atualizado em: 19/09/2019 às 21:18

Texto:

Foto: Bruno Cantini / Atlético
 Bruno Cantini / Atlético

Atravessando péssima fase no Campeonato Brasileiro, no qual acumula cinco derrotas consecutivas, o Atlético entra em campo nesta quinta-feira, às 21h30 (de Brasília), no estádio Brigadier General Estanislao López, em Santa Fé, na Argentina, para enfrentar o Colón no confronto de ida da semifinal da Copa Sul-Americana.

Acompanhe, a partir das 21h, a Jornada Esportiva da Itatiaia, com o 1º Time do Rádio. Narração de Mário Henrique, comentários de Cadu Doné e reportagens de Cláudio Rezende. A ancoragem será de Bruno Azevedo.

O alvinegro também busca um bom resultado para aliviar a pressão que vive no momento. Esse clima de cobrança por parte dos seus torcedores ficou claro na noite de terça-feira (17), quando a equipe embarcou sob fortes protestos de uma organizada do clube no aeroporto Tancredo Neves, em Confins, na região metropolitana de Belo Horizonte.

O Atlético vem de uma derrota por 3 a 1 para o Internacional, em casa, pelo Brasileirão, e agora mira retomar a boa fase que ostenta na Copa Sul-Americana, na qual eliminou Unión La Calera-CHI, Botafogo e La Equidad-COL nas fases anteriores da competição.

Apesar da necessidade de reagir, o técnico Rodrigo Santana descartou adotar clima de mistério nessa quarta-feira, quando abriu para a presença dos jornalistas o treino realizado no CT do Newell's Old Boys, em Rosário, e repetiu a mesma formação titular que já havia testado na última atividade que comandou em Belo Horizonte, com Cleiton; Patric, Igor Rabello, Réver e Fábio Santos; Zé Welison e Elias; Chará, Vinícius e Cazares; Franco Di Santo.

Assim, o treinamento serviu para confirmar que o volante Jair, que se recupera de um problema muscular, será mesmo substituído por Zé Welison. No ataque, a novidade será a presença do argentino Franco Di Santo, que fará a sua estreia como titular. Ele entrará no lugar de Ricardo Oliveira, que sequer viajou para a Argentina após ser liberado pelo clube por estar com sérios problemas de saúde na família.

Para completar, Rodrigo Santana não terá à disposição Victor, Uilson, Maidana e Gustavo Blanco, outros jogadores que, assim como Jair, se recuperam de lesões. Para completar, o meia-atacante Luan, que não vem tendo espaço na equipe, sequer foi relacionado para este jogo em Santa Fé.

Confirmado entre os titulares atleticanos, o lateral-direito Patric prometeu  uma resposta positiva da equipe dentro em campo. "O torcedor compareceu no aeroporto para pedir que a gente jogue por eles, por nós, pela instituição, pelo Galo. É isso que a gente veio fazer. O torcedor confia em nosso trabalho. Foram alguns jogos ruins, mas que iremos apagar e construir nosso caminho de novo. Vamos colocar o vagão nos trilhos certinho para que a gente possa desempenhar bem", destacou o jogador, que depois enfatizou: "Chegou nosso momento de dar a cara, deixar o amor, o coração no campo, para a gente fazer o que gosta de fazer. É jogo para sair sangrando, esgotado de dentro de campo, e levar um bom resultado para Belo Horizonte".

O Colón, por sua vez, vem de uma sequência invicta de quatro partidas e também já está com sua escalação definida para a partida. O atacante Luis Rodríguez, que perdeu o seu pai no último domingo, já voltou a treinar e será titular.

Em sua campanha até a semifinal, o Colón eliminou o Zulia-VEN, o Argentinos Juniors, o River Plate-URU e o Deportivo Municipal-PER. 

Colón x Atlético

Colón: Burián; Vigo, Ortiz, Olivera e Escobar; Aliendro, Lértora, Zuqui e Estigarribia; Rodríguez e Morelo. Técnico: Pablo Lavallén

Atlético: Cleiton; Patric, Igor Rabello, Réver e Fábio Santos; Zé Welison, Elias, Cazares, Vinícius e Chará; Di Santo. Técnico: Rodrigo Santana

Motivo: 1º jogo – semifinais da Copa Sul-Americana
Data: 19 de setembro de 2019, quinta-feira, às 21h30
Local: Estádio Brigadier General Estanislao López ‘Cemitério dos Elefantes’, em Santa Fe (Argentina)

Árbitro: Alexis Herrera (VEN)
Auxiliares: Carlos López (VEN) e Luis Murillo (VEN)
VAR: Nicolás Gallo (COL)

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link